Exclusivo:Homem que morreu em tentativa de roubo de Hilux, era procurado pela...
Fullbanner1



Exclusivo:Homem que morreu em tentativa de roubo de Hilux, era procurado pela polícia

Fonte: Bruno Pinheiro
SHARE
O corpo de Avelino foi l reconhecido somente na manhã deste sábado (10), pela família. Foto: Reprodução.

O homem morto após uma tentativa de roubo de uma caminhonete Hilux, na avenida Cuiabá em Rondonópolis (218 km de Cuiabá), nesta sexta-feira(09), já tinha uma vasta ficha criminal. E já cumpriu pena no presidio Major Eldo De Sá Correia (Mata grande) em Rondonópolis, de acordo com à polícia.

O suspeito foi identificado como Avelino Pereira da Silva, vulgo (Lino), 46 anos. Avelino possuía passagens pelos crimes de roubos e furtos.

De acordo com informações, Lino já cumpriu pena no estado de São Paulo (SP) e no presídio de Rondonópolis. Em uma checagem ainda foi encontrado, três mandados de prisão em aberto contra Avelino, que morreu na tarde desta sexta-feira em sua última tentativa de roubo.

Informações repassadas narra que, a vítima de 70 anos, chegava em sua residência quando o suspeito veio por trás do veículo já com a arma de fogo em punho, apontando na direção da vítima. O homem reagiu mais rápido e realizou vários disparos contra Avelino que morreu no local. O serviço de Atendimento Móvel e Urgência constatou o óbito.

O que chamou atenção da equipe de perícia e identificação é que, o nome de Avelino em seu documento de identificação não possui o sobrenome “da silva” e somente o Pereira. Sendo assim existe uma suspeita de que, Avelino usava um complemento no nome para fugir da justiça.

O corpo de Avelino foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), e reconhecido somente na manhã deste sábado (10), pela família.