“Estou otimista”, afirma o vereador Silvio Negri sobre a vinda da Unemat...
Supermoveis


Macropel

“Estou otimista”, afirma o vereador Silvio Negri sobre a vinda da Unemat para Rondonópolis

Fonte: Assessoria
SHARE
Foto: Dnei Matos

Após 14 anos de luta e espera, Rondonópolis está cada vez mais próxima de receber a Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat). O vereador Professor Silvio Negri (PCdoB), que faz parte da Frente Parlamenta em prol da Universidade, participou da audiência pública que aconteceu na sexta-feira (7) na Câmara Municipal de Rondonópolis e reuniu o prefeito Municipal, José Carlos do Pátio, vereadores, deputado, representantes das instituições de educação, lideranças comunitárias, professores e estudantes.

A audiência, que estava marcada há mais de dois meses, teve como objetivo, dentre outros assuntos, fortalecer o apoio de lideranças e da comunidade local, para a abertura de, pelo menos três cursos em Rondonópolis, ofertados pela Unemat ainda este ano. O vereador Professor Silvio Negri está otimista e avaliou a reunião de forma positiva. “Foi muito proveitosa. Tivemos a participação da classe política, dos estudantes, professores e de outras lideranças. Com essa união tenho a certeza que, a partir de agora, as expectativas da instalação da Unemat em Rondonópolis são as melhores possíveis. Estou otimista”, ponderou.

A estudante Kimberly Silva Farias de 17 anos de idade, cursa o 2º ano do ensino médio na Escola Estadual Elizabeth de Freitas Magalhães e pretende fazer faculdade de engenharia mecânica. Ela considera a Unemat uma grande oportunidade para os futuros acadêmicos. “A vinda de mais uma universidade pública aumenta as chances de profissionalização dos jovens”, destaca.

Também aluno do 2º ano da Escola Elizabeth, Evandro Rosa da Silva, 17 anos, está em dúvida entre os cursos de arquitetura, engenharia civil e música. O estudante torce para que ao menos uma opção seja ofertada.

Ser psicóloga ou quem sabe gastrônoma. Essa é a expectativa da estudante Fernanda Soares de 17 anos que cursa o 3º ano do ensino médio na Escola Estadual Major Otávio Pitaluga. Para ela, Rondonópolis ainda carece de cursos superiores gratuitos. “A Unemat poderá abrir oportunidades para quem não tem condições financeiras de pagar uma faculdade. Além de oferecer mais opções de cursos”, comentou Fernanda.

Reunião do Consuni

De acordo com a assessoria da Unemat, o Conselho Universitário (Consuni) se reunirá nos próximos dias 17 e 18 de abril para discutir a reestruturação do campus de Alto Araguaia, o que deve resultar na oferta de alguns cursos em Rondonópolis. “Faremos possível para participar dessa reunião em Cáceres e reforçar o pedido da instalação do campus / núcleo da Unemat em Rondonópolis”, afirmou Negri.

Durante a audiência foi entregue pela Frente Parlamentar, composta pelos vereadores Thiago Silva (PMDB), Professor SilvioNegri (PCdoB), Carlos Guinâncio (PSDB), Oreste Miraglia (SD) e Adonias Fernandes (PMDB) um relatório das visitas com as escolas que possuem espaço para funcionamento da Universidade e entregue ao prefeito um ofício pedindo apoio para funcionamento de 03 cursos já no segundo semestre de 2017, entre eles o curso de direito.

Montreal