Especialização Profissional e entenda a Importância para sua Carreira
Adventista

Fullbanner1


Especialização Profissional e entenda a Importância para sua Carreira

Fonte:
SHARE

 

Conforme o autor Adriano Borges/IGC Educação, “Um bom Profissional precisa se aperfeiçoar constantemente para aproveitar as oportunidades de crescimento dentro do mercado de trabalho. Hoje, somente com a especialização profissional e outras estratégias de autoinvestimento cultural, ele terá chances de alçar voos mais altos na área em que atua”.

Quanto mais capacitado o Profissional for, mais frente fará a seus concorrentes, ampliando as suas possibilidades de crescimento, solidificando sua presença no mercado e expandindo suas perspectivas para o futuro.

 

  • A Especialização Profissional como uma Necessidade

Quando o Profissional possui uma pós-graduação, seu currículo se torna mais atrativo, o que contribui para construir uma boa imagem aos olhos das empresas contratantes. Uma das primeiras conclusões a que os empregadores chegarão sobre este profissional é que ele é dedicado e está interessado em aprender sempre mais para desenvolver suas atividades com mais competência e legitimidade.

A Especialização Profissional é, por isso, uma necessidade para quem deseja efetivamente oferecer um trabalho de maior qualidade. Os cursos de Especialização, como a pós-graduação (inclusive o MBA), dão ao profissional a possibilidade de ampliar seus conhecimentos e se alinhar aos objetivos e às exigências do mercado de trabalho contemporâneo.

Caso o Profissional já venha atuando há mais tempo em alguma área ou atividade, a especialização profissional também vai contribuir decisivamente para agregar mais conhecimento à prática e à experiência que ele já tem. Somar novos conhecimentos à vivência é uma boa maneira de otimizar o desempenho do Profissional.

Ou seja, fazer uma Especialização ajudará a aumentar sua autoconfiança, fundamental na hora de se candidatar a um emprego, e no decorrer de todo a sua trajetória em uma empresa, que mede continuamente o nível de desempenho e produtividade dos seus colaboradores, avaliando até que ponto eles estão realmente interessados no que fazem e aptos a seguir na organização.

 

  • A Demanda do Mercado pela Qualificação

Os processos seletivos atuais, tanto de empresas privadas quanto de organizações públicas, levam em conta os candidatos que tenham dado continuidade a seus estudos após a conclusão do curso de graduação. Com a grande quantidade e variedade de cursos disponíveis e a exigência cada vez maior por Qualificação no mercado de trabalho, os títulos que antes eram bônus na formação de um aluno praticamente perderam esse estatuto, passando a ser encarados como extensão natural e obrigatória da graduação.

Um ponto importante a considerar é que a tecnologia avança a passos rápidos e, devido à sua influência no mercado de trabalho (determinando rumos e contribuindo para o desenvolvimento de práticas mais produtivas e econômicas), é imprescindível que os Profissionais saibam manipulá-la estrategicamente, extraindo dela tudo o que puder ser vantajoso para o negócio.

As empresas, portanto, observam com cuidado a Qualificação dos candidatos, a fim de poderem selecionar somente aqueles que apresentam as competências específicas para as atividades que ela desenvolve. Por isso, quanto mais consistência ele tiver em um assunto ou área, mais chances terá de ser chamado para uma entrevista, passar por um período de teste e experiência e formar parcerias duradouras com empresas boas e renomadas.

Lembre-se de que corporações prestigiadas precisam de Profissionais com conhecimentos específicos, com potencial superior e orientado para o segmento, contribuindo, dessa forma, para manter o bom nome e o status da empresa diante dos clientes.

Outro aspecto altamente valorizado pelos empregadores é que, com mais cursos de especialização, os profissionais apresentam mais capacitação para resolver problemas e encontrar soluções originais de maneira autônoma. A participação ativa do funcionário no próprio processo de gestão, planejamento e tomada de decisões diminui a necessidade de microgerenciamento de equipes, o que otimiza tempo e prioriza a ação dos Gestores em áreas estratégicas da empresa.

 

  • O Diferencial Competitivo garantido

Muitos concursos já exigem como pré-requisito para seleção a apresentação de títulos e certificados de Especialização. Assim também se comportam os setores de RH de diversas organizações. A experiência não deixa dúvidas de quanto os Cursos de Especialização contribuem para diferenciar o Profissional em um país que, infelizmente, ainda sofre com o desemprego e com a concorrência elevada por vagas de trabalho.

Ainda que a quantidade de certificados seja um critério relevante, é preciso focar os melhores cursos, aqueles que realmente acrescentem algo de valioso ao que o Profissional já construiu.

É necessário selecionar as melhores Instituições de Ensino para ter a certeza de que o conhecimento adquirido poderá ser usado pelo Profissional para destacá-lo entre outros Profissionais. Para fazer uma boa escolha, avaliar certos aspectos é vital importância, como: infraestrutura, metodologia de ensino aplicada, quadro docente, tempo da Instituição no mercado, campo de abrangência, convênios com entidades do país e no exterior e, claro, preços acessíveis. Igualmente válido é buscar indicações junto às pessoas que já passaram pela Instituição.

Um dos Cursos mais procurados pelos Profissionais para levar Vantagem Competitiva no mercado de trabalho é o de MBA (Mestre em Administração de Negócios), que se aplica à praticamente todas as áreas.

O tema Sustentabilidade é um dos mais recorrentes nos Cursos de Especialização Profissional. Naturalmente, os Profissionais que conhecem melhor o assunto e sabem aplicar Técnicas e Estratégias Sustentáveis na área em que atuam se diferenciarão de seus concorrentes, aumentando suas chances de serem contratados pelas empresas que seguem o conceito de Economia Sustentável.

Se você foi além do “arroz com feijão” em determinado assunto, também será mais fácil conseguir boa pontuação nos diferentes concursos oferecidos todos os anos por diversas Instituições. Mais uma vez, a Especialização Profissional assegura ao candidato o diferencial para se manter competitivo mesmo que a concorrência seja alta.

Considerando o ambiente interno, o Profissional também se destacará, apresentando mais possibilidades de ser promovido e receber aumento de salário que outros colegas que ainda não tenham investido na Especialização Profissional.

 

  • A Necessidade de Atualização Constante

Considerando o dinamismo do Mercado, da Tecnologia, da Legislação e das Inovações em geral, o Profissional precisa deve estar constantemente preparado e se ver sempre como um work in progress.

Se o Profissional não se recicla dentro de sua área de atuação, tal postura prejudica sua imagem. A empresa o verá como um triste caso de acomodação, alguém sem ambições, que não aprecia realmente sua profissão.

Com o tempo, essa inércia irá mesmo comprometer seu desempenho e afetar negativamente a realização de suas atividades, pois ele não estará apto a agir dentro da realidade atual. É o caso, por exemplo, de Profissionais como Contadores e Advogados, que precisam estar a par das mudanças na lei para efetuar serviços bem feitos, orientando de forma correta seus clientes e evitando que eles paguem multas e sofram outras penalizações devido à falta de conhecimento sobre as atualizações legais promovidas pelo Governo.

Da mesma forma, os Profissionais das áreas de Saúde, Educação, Arquitetura, Engenharia, Segurança e muitas outras precisam acompanhar as mudanças, empregando novos Métodos de Trabalho e aproveitando as novas descobertas e recursos oferecidos.

Enfim, a atualização permite que o Profissional se ajuste à sua realidade de trabalho e possa satisfazer mais os anseios de clientes e empregadores.

 

  • O Conhecimento Estratégico como Objetivo

A Especialização Profissional permite que você utilize estrategicamente seus Conhecimentos dentro do mercado e em qualquer área que estiver atuando. Já dizia Freud que “o conhecimento traz poder”.

O Conhecimento possibilita inovar, criar, minimizar conflitos, encontrar soluções variadas, gerar oportunidades, descobrir a causa não identificada de certos problemas e usar essa descoberta para aumentar o crescimento de um negócio em particular, para o seu crescimento como profissional e para o bem comum.

O Conhecimento é o bem mais precioso e imperecível que o ser humano pode adquirir. Nesse sentido, se especializar é também investir em si mesmo, para além de investir na sua carreira, na empresa em que trabalha ou virá a trabalhar.

O Conhecimento se torna estratégico principalmente quando você pode aplicá-lo no seu dia a dia, ou seja, colocá-lo em exercício com eficácia nas atividades que desenvolve e até, embasado nele, orientar outras pessoas. Afinal, ele também precisa ser compartilhado para ser útil!

Não é demais reforçar: Conhecimento estratégico permite que você atue com proatividade e assertividade, além de torná-lo um ponto de referência onde quer que a vida te posicione.

 

  • A busca do Crescimento dentro da Área de Atuação

Apesar de não ser garantia de que o Profissional será promovido imediatamente, a Especialização Profissional facilita essa etapa em sua Carreira. Independentemente da velocidade com que chegar à promoção, você certamente crescerá em sua Carreira, atingindo novos patamares em suas experiências e conquistas.

O Bom Profissional se sente feliz por estar conseguindo um melhor desempenho em razão da aquisição de novos Conhecimentos. Este desempenho será bem observado pelos seus colegas e também pelos seus empregadores. E em curto, médio ou longo prazo, você desfrutará dos resultados.

Sem dúvida, todo funcionário ganha em motivação quando recebe um aumento de salário ou é promovido. Mas vale lembrar que, aliada ao Conhecimento, a dedicação faz toda a diferença. Não adianta se esconder atrás dos Cursos de Especialização que fez para se achar no direito de exigir privilégios e salários mais altos. As empresas precisam de Profissionais capazes e dedicados, que se engajem com as tarefas e se comprometam com os objetivos da organização.

Lembre que, se a empresa crescer, a tendência é que você também cresça! Pelos menos, é assim que funciona em boa parte das empresas privadas. Nas públicas, ao contrário, muitas vezes somente o título de mestre ou doutorado já é suficiente para garantir salários mais altos.

De forma geral, os salários mais elevados ficam para os Profissionais que fizeram uma Pós-graduação stricto sensu, o que equivale a um mestrado ou doutorado. O aumento no salário dos profissionais júnior, pleno e sênior pode chegar até 70%, comparando a remuneração de um Profissional que tenha somente graduação com o salário de outro que tenha mestrado ou doutorado integral.

A comprovação de que certificados de Pós-Graduação normalmente significam salários maiores vem de uma pesquisa efetuada pela Catho On-line, maior site de classificados de currículos e vagas para empregos de toda a América Latina.

Considere, para entender a importância da Especialização Profissional no plano de carreira e de salários, que, em cargos de gerência, os salários para as pessoas que fizeram especialização chegam a R$ 8,9 mil, e a R$ 9,8 mil para os que fizeram MBA. Aqueles que têm apenas graduação recebem salário médio de R$ 7,8 mil.

No caso de cargos de coordenação e revisão, também se percebe a diferença: Profissionais com somente uma Especialização recebem mais de R$ 5,2 mil. Já Profissionais que têm apenas uma graduação em determinados cursos recebem cerca de R$ 4,4 mil. Nos cargos de diretoria, a diferença é menor, mas ainda existe: Profissionais com MBA podem receber um salário de R$ 19 mil, e aqueles com Especialização, até de R$ 18,4 mil.

É preciso ficar alerta, pois os Gestores de RH afirmam que nem sempre a ascensão no quadro hierárquico acontece rápido. Depende muito das condições vividas pela empresa ou pela área em que o Profissional atua. Aa vagas podem apenas não estar disponíveis em uma certa ocasião. Por isso, é preciso saber esperar e continuar trabalhando!

O Profissional precisa considerar que, acima de questões salariais e promoções, ele terá oportunidade de se dedicar a uma área específica, com a qual se identifica, e assim trabalhar com mais satisfação e empenho, o que também representa crescimento Profissional!

 

  • O Desenvolvimento de uma Visão Diferenciada

Aproveitando esses exemplos, a Especialização Profissional permite que o Profissional desenvolva uma visão diferenciada sobre as atividades que desempenha. Especializando-se em determinada área ou assunto, terá um foco mais preciso, um olhar mais bem direcionado, objetivos mais definidos.

É o que acontece, por exemplo, com o médico que, depois do Curso de Medicina, se especializa em uma área: cardiologia, urologia, ginecologia ou qualquer outra. Ele tem uma visão apurada daquele aspecto da Saúde, dentro de todo o conjunto de seus conhecimentos. Para ilustrar melhor: você preferiria se consultar com um Profissional genérico e superficial, ou com aquele capaz de ver seu problema com profundidade e precisão?

Nesse sentido, a Especialização Profissional é a exploração de um determinado tema (ou de vários temas) dentro de um escopo mais amplo. Em tempos de Conhecimento ultraespecializado, ser capaz de ir do macro ao micro — e de volta — habilita o Profissional a atuar com mais Segurança, Autoridade, Autonomia e até Liderança.

 

  • A Possibilidade de Desenvolver novas Habilidades

A Especialização Profissional também oferece à pessoa a oportunidade de desenvolver novas habilidades. Logo, seu campo de atuação poderá se expandir. Além das habilidades adquiridas no curso de graduação, você aprenderá novas habilidades que irão enriquecer seu trabalho e melhorar seu desempenho, tornando-o mais apto a executar tarefas mais complexas e difíceis. A aquisição de outras habilidades, mais específicas, permitirá a você encarar novos desafios.

Quando se aprende mais, os Conhecimentos complementares pedem por mais espaço de manobra. Isto é, você naturalmente começará a praticá-los e ganhar com sua eficácia no dia a dia. Seus colegas, os clientes e, acima de tudo, os Gestores perceberão essa potencialidade adquirida e, se forem hábeis, saberão aproveitá-la, direcionando-a a favor da empresa.

Suas novas habilidades também repercutirão positivamente em seu networking, essencial a todo Profissional para encontrar novos colegas e vislumbrar novas oportunidades. As redes sociais são um espaço ideal para essa busca e autodivulgação. Aproveite o Facebook, o Twitter e mesmo o Instagram para mostrar as suas habilidades. Porém, acima de tudo, participe de grupos específicos na área, em que as oportunidades poderão ser maiores e mais bem orientadas.

Falando ainda de redes sociais, o LinkedIn é hoje o espaço mais apropriado para o Profissional registrar suas novas habilidades e ampliar sua rede de contatos com outros profissionais que apresentam habilidades similares. Além de se promover, gerando oportunidades de atrair a atenção de recrutadores interessados nas suas aptidões, você poderá identificar chances de seguir crescendo.

 

  • A Aquisição de Habilidades Gerenciais

Entre as novas habilidades adquiridas pelo Profissional em uma Especialização Profissional, estão as habilidades gerenciais. Um MBA, por exemplo, está preparado para ocupar um cargo de gestão dentro de uma empresa, liderando departamentos e colaboradores.

Munido de conhecimentos mais profundos sobre gestão e liderança, sobre psicologia comportamental e recursos financeiros, o Profissional poderá sonhar mais alto, galgar degraus em busca de uma promoção e do ingresso no círculo administrativo, em torno do qual se desenvolvem projetos e estratégias, planejamento, definição de metas e organização de todo o complexo empresarial.

Mesmo se você não almeja a gestão administrativa de uma corporação, as habilidades gerenciais vão ajudá-lo a desenvolver suas funções com mais eficiência e objetividade. Vão ajudar a melhorar, inclusive, seu relacionamento com os colegas de trabalho e com os próprios Gestores.

Conhecer mais a fundo o mecanismo de gerenciamento permitirá que você tenha uma visão sistêmica da organização, compreender seu processo de crescimento, as dificuldades financeiras que ela pode atravessar, o modo como o mercado, a concorrência, a opinião do consumidor, a economia nacional e mundial, entre outras variáveis, influem no âmbito interno do negócio.

 

  • O Marketing Pessoal dentro da Sala de Aula

Finalmente, outro ponto a considerar é a experiência que o Profissional pode adquirir em sala de aula, aproveitando o espaço para fazer seu marketing pessoal, divulgar suas habilidades e seu trabalho.

Uma das vantagens da Especialização Profissional é que ela se dedica mais à prática, o que geralmente não ocorre em um curso de graduação. Você terá, portanto, a oportunidade de aprender fazendo, de efetivar na prática os conhecimentos acumulados durante o curso de graduação. A prática contribui para solidificar a teoria, que, sozinha, pode não ter muito a dizer para quem enfrenta problemas reais.

Em um curso de especialização, você poderá ter aulas com Profissionais renomados, muito ativos no mercado e que poderão também ajudar você a ampliar seu networking. Eles poderão até mesmo indicá-lo a colegas e a empresas, abrindo novas possibilidades para sua carreira, e serão fontes de experiência e inspiração. Certamente, será uma experiência muito boa para o aluno, que terá oportunidade de acessar outros círculos e aprender além dos limites do próprio curso de especialização.

Outra maneira de otimizar seu marketing pessoal, explorando as possibilidades na sala de aula, é por meio das discussões em grupo. Elas permitem que você mostre seus talentos e seu brilho. Outros Profissionais, que também estão estudando, poderão se interessar pelo seu trabalho, fazer indicações, oferecer dicas, ajudar na divulgação de sua imagem junto à empresa em que você trabalha. Com eles, você também tem mais uma excelente oportunidade de aprender!

Até em projetos de intervenção você poderá fazer seu marketing pessoal. A Especialização Profissional permite aos profissionais elaborarem projetos ou teses que podem ser divulgados em um nível muito mais amplo. Em alguns casos, é possível até patentear invenções e lucrar com isso.

É preciso lembrar que a Especialização Profissional pode acontecer de diversas maneiras, sendo que as mais recomendadas são a pós-graduação, o mestrado, o doutorado e o MBA. Mas existem também muitos cursos, cuja duração geralmente é curta, realizados no país e no exterior, que também contribuem para agregar mais conhecimentos e experiências à bagagem Profissional.

O importante é que o Profissional se especialize conscientemente. Ou seja, avalie o que realmente deseja com o curso de especialização e se planeje estrategicamente antes de decidir. Para isso, converse com os gestores da sua empresa e peça orientações no setor de RH. E, claro, considere também o que cabe no seu bolso ao escolher sua Instituição e Curso!

Os Cursos de Especialização podem ser o “detalhe” que está faltando para você expandir seus horizontes dentro da empresa em que trabalha ou mesmo fora dela! E lembre-se de que você pode acumular diferentes conhecimentos específicos, escolhendo cursos variados que sejam úteis na área em que atua, como gestão de negócios, meio ambiente, tecnologia da informação e assim por diante!

                                                                                                                                        Fonte: http://igceducacao.com.br/Blog