Em dificuldades, Casa do Adolescente faz campanha por doações
Fullbanner1

Fullbanner2


Em dificuldades, Casa do Adolescente faz campanha por doações

Fonte: Thiago Mattar
SHARE
Alunos da turma de karatê da Casf. Foto: Rosangela Gomes.

Após 25 anos oferecendo assistência a jovens carentes de Rondonópolis, a Casa do Adolescente Sagrada Família (Casf) passa por dificuldades financeiras. Atualmente, 87 menores são beneficiados com as atividades promovidas pelo projeto.

Segundo Rosangela Gomes Duarte, coordenadora do projeto há 10 anos, a casa já passou por situações parecidas no passado. “É sempre difícil cobrir as despesas. A gente sempre promoveu bazares, feijoada, festival de pizza e outros eventos para poder completar o orçamento”.

A Casf fornece quatro refeições diárias e conta com 21 voluntários. Entre eles estão professores de karatê, dança e música. O projeto ainda conta com apoio pedagógico e ajuda adolescentes a entrarem no mercado de trabalho por meio da modalidade Jovem Aprendiz. Entre os que participaram da modalidade, 174 jovens já estão inseridos no mercado.

O espaço utilizado pelo projeto é cedido pela Diocese, e a Prefeitura de Rondonópolis, por meio da secretaria municipal de Promoção e Assistência Social, contribui com a Casf. “Mas esse valor não é suficiente para manter a casa, nossas despesas são grandes”, alega Rosangela.

De acordo com a coordenadora, os alimentos são a prioridade, mas os jovens também estão precisando de roupas, calçados, material de limpeza e material pedagógico como lápis, borracha e caderno. Também é possível fazer a doação de qualquer valor através da conta corrente Sicredi. Agência 0809 e conta 60235-3. A Casa do Adolescente Sagrada Família possui o CNPJ 297285/0001-66.

Montreal