Eduardo descarta favoritismo e lembra rival em 2008: “Ficou na conversa”
Fullbanner1



Eduardo descarta favoritismo e lembra rival em 2008: “Ficou na conversa”

Fonte: Rodrigo Faber
SHARE

Adversário do Novorizontino pelas quartas de final do Campeonato Paulista neste domingo, às 19h (horário de Brasília), em Novo Horizonte, o técnico Eduardo Baptista não quer saber do Palmeiras levado pelo favoritismo na fase eliminatória do estadual.

Preparador físico do Sport em 2008, quando o time pernambucano conquistou a Copa do Brasil em cima do Corinthians, Eduardo lembrou que o rival do Palmeiras era dado como campeão certo do torneio. Após vitória por 3 a 1 em São Paulo, o Alvinegro acabou derrotado por 2 a 0 no Recife, e o Leão da Ilha ficou com a taça.

– O Corinthians era favorito, considerado melhor por todos. Tinha ganhado por 3 a 1 em São Paulo, dizem que tinha até passagem marcada para Brasília, para visitar o (ex-presidente) Lula. É o que chegou à gente. Só que esse favoritismo ficou na palavra, na conversa, no computador. Dentro de campo, o time absorveu todo o favoritismo dado ao Corinthians, passamos tudo para eles. Muita gente ficou sem entender o que aconteceu – lembrou, em entrevista coletiva nesta sexta-feira.

VEJA MAIS:> Dudu apresenta centro de excelência do Palmeiras: “Primeiro mundo”> Privacidade e mudanças: Palmeiras se fecha antes de primeira decisão> Ex-gerente de posto, Eduardo define seu combustível no Palmeiras: títulos

O técnico palmeirense admite que a pressão fica para o lado alviverde por conta da diferença de planejamento entre os clubes. As cifras envolvidas jogam toda a obrigação da vitória para sua equipe.

– No papel, não tem como falar que não é o favorito por investimento, mas tem de ser em campo. Vamos pegar uma equipe com vontade de chegar aonde estamos. Tem de tomar cuidado, respeitar. Não é ter medo, é jogar, marcar, para que não tropece – afirmou Eduardo.

Os últimos dois treinos do Palmeiras antes do jogo de ida das quartas de final, na tarde desta sexta-feira e na manhã de sábado, serão fechados à imprensa. O Verdão viaja a Rio Preto, onde fica concentrado para encarar o Novorizontino, após o almoço na véspera da partida.