Dupla suspeita de roubo na vila Aurora bate moto durante perseguição policial
Supermoveis

Fullbanner2


Dupla suspeita de roubo na vila Aurora bate moto durante perseguição policial

Fonte:
SHARE
Moto usada em assalto e envolvida em acidente / Foto: Ailton Lima

Por: Ailton Lima

 

Dois indivíduos, sendo um de apenas 14 anos de idade e outro de 18, acabaram se envolvendo num acidente automobilístico, na tarde desta segunda-feira (30), por volta das 19h40, logo após praticarem um assalto a pessoa na Vila Aurora, e serem perseguidos pela polícia.

Na verdade, tudo aconteceu por mera coincidência! A guarnição policial, fazia rondas ostensivas de rotina, e se deparou com a dupla ocupando uma moto Titan 150cc de cor vermelha, praticando direção perigosa (empinando), nas imediações da Ponce de Arruda.

Os policiais então ordenaram que os suspeitos parassem, mas a ordem não foi obedecida. Iniciou-se então um acompanhamento tático a distância. Os indivíduos ao perceberem a aproximação da PM, iniciou uma fuga desenfreada, dirigindo pela contra mão de direção pela avenida Ponce de Arruda, até que se envolveram num acidente, colidindo contra um veículo Ford Eco sport.

O maior que ocupava a posição do carona na moto, identificado como sendo Lucas do Amaral Travagini de 18 anos, caiu, mas se levantou e empreendeu fuga, sendo perseguido e preso, algumas quadras adiante do local dos fatos.

O menor (J.F.B) de apenas 14 anos que pilotava a moto, ficou ferido sem gravidade, mas foi socorrido para atendimento médico.

Enquanto faziam o atendimento a essa ocorrência, os policiais receberam a informação do assalto na Vila Aurora, próximo a Academia Líder de Artes, e coincidentemente, as características dos suspeitos, bem como da moto, batiam.

O ROUBO

De acordo com relatos da vítima, Verônica de Abreu Meneghetti de 27 anos, ela se encontrava próximo da academia em companhia do esposo andando de Skate na rua. Quando ela e o marido trocaram de skate, e o esposo se distanciou um pouco, os marginais se aproximaram de moto e abordara a mulher.

O garupa, identificado como Lucas Travagini, desceu armado com uma faca e exigiu que ela lhe entregasse o aparelho celular. A mulher entregou a bolsa contendo o aparelho, dinheiro e documentos pessoais, e os bandidos fugiram tomando o rumo do centro da cidade, onde acabaram sendo presos

Chamada à 1ª DP, a vítima reconheceu a dupla, bem como recuperou os seus pertences.

Diante da situação verificada, os dois indivíduos foram autuados em flagrante delito por roubo qualificado, e direção perigosa com acidente.

Montreal