Dr. Paulo Salustiano dá oito dicas para emagrecer
Supermoveis



Dr. Paulo Salustiano dá oito dicas para emagrecer

Fonte: Dr. Paulo Salustiano*
SHARE
O médico Paulo Salustiano dá oito dicas práticas para emagrecer. Foto: Arquivo Pessoal.

O verão está chegando e você está se preparando para a estação mais desejada do ano? Listei uma série de dicas para você conquistar mudanças no seu corpo de forma saudável, consciente e leve.

1- A alimentação serve, primordialmente, para nutrir seu corpo. Identifique suas necessidades e busque saciar outras emoções de forma a não se culpar em seguida por ter comido aquilo que não precisava.

2- Busque outras fontes de prazer além da alimentação. Certamente vão existir atividades que trazem a mesma sensação de satisfação e não te acarretam prejuízos ou algum tipo de sentimento negativo posterior.

3- Faça escolhas sábias em relação à sua alimentação. Selecione a comida de acordo com o seu objetivo: qualidade de vida, bem-estar, saúde, emagrecimento ou estética. Seu estilo de vida precisa estar alinhado com a sua alimentação.

4- Evite ter em casa alimentos que não te favoreçam. Mas, caso isso seja inevitável, mantenha no seu campo visual apenas os alimentos que sejam saudáveis para o seu dia a dia.

5- Pense também sobre o que os exercícios vão acrescentar à sua saúde. Não é apenas suar por suar, mas você está fortalecendo músculos, adquirindo resistência e poderá andar mais sem se cansar ou subir escadas sem ficar ofegante.

6- Atente-se ao que você pensa ou fala para não passar uma mensagem errada à sua mente. A palavra dieta, por exemplo, nos faz pensar em privação. Para driblar o problema, diga que você adotou uma maneira mais saudável de se alimentar. Quer outro exemplo? Evite a expressão “perder quilos”. Essa afirmação conota que você irá recuperá-los algum dia. E não é isso que você quer, certo? Pense que vai eliminá-los de vez.

7- Imagine que delícia devorar uma super bola do seu sorvete preferido. Ficou com água na boca? Um estudo realizado pela Universidade Americana de Carnegie Mellon, da Pensilvânia, e divulgado pela revista Science, concluiu que imaginar-se ingerindo coisas gostosas diminui a vontade de comê-las. Então, solte a imaginação.

8- Desanimado porque o ponteiro da balança empacou? Pense nas coisas importantes que conquistou: a promoção no trabalho, aquela viagem incrível que realizou no último verão… assim, você vai lembrar que é capaz de alcançar o que deseja e dá uma injeção de ânimo na sua mente para realizar seu objetivo atual: emagrecer.