Curso de Ballet com ênfase em Baby Class reúne professoras de seis...
Supermoveis



Curso de Ballet com ênfase em Baby Class reúne professoras de seis municípios do MT

Fonte: Assessoria
SHARE
Foto: Assessoria

O fim de semana na Academia Líder de Artes foi de conhecimento e atualização para 16 professoras e diretoras de academias de dança de seis municípios de Mato Grosso, isso por que foi realizado um curso voltado para teorias e práticas do Ballet Clássico sobre turmas Baby Class e em nível iniciante infantil organizado pelo Conselho Brasileiro de Dança Regional Mato Grosso.

O curso foi ministrado pela professora Flávia Burlini Delegada Regional do Rio de Janeiro junto ao Conselho Brasileiro de Dança e que tem um currículo extenso no Ballet, sendo solista por mais de 12 anos no Teatro Municipal carioca, licenciada em dança pelo Instituto Politécnico de Lisboa, pós-graduada entre outras tantas qualificações.

“O Baby Class é quase a formação de um ser humano, não nos preocupamos apenas com a função motora, mas com o jovem indivíduo como um todo. Trabalhamos parte cognitiva, social, emocional, motora, afetiva, ajudando a construir a personalidade de uma criança, a autoconfiança dela. O cuidado nesta turma é muito importante e é isso que procuramos trabalhar no curso”, enfatiza.

Para Flávia um professor de Baby Class precisa ser diferenciado, primeiramente deve gostar de criança, mas é necessário unir conhecimento, empenho, estudo, além é claro de saber respeitar e entender seu aluno.

O curso teve várias frentes de trabalho, segundo a professora Flávia começou com uma pequena conversa para conhecer a realidade das professoras, afinal em um país continental existem várias particularidades, e depois partiu para parte teórica com muito conteúdo, parte prática com a construção conjunta de uma aula e finalizando com uma troca de experiência.

“Focamos na importância do corpo, ações, espaço, dinâmica, relações para construir uma aula, estrutura de aula com imagem, tema, conteúdo, parte motora, planejamento anual, postura do professor e disponibilidade para ensinar”, explicou Flávia.

Para a professora Sarah Venâncio, proprietária da Academia Líder e Delegada Regional de Mato Grosso junto ao Conselho Brasileiro da Dança, professora e coreógrafa, o curso estava sendo requisitado desde o ano passado, mas a dificuldade era conciliar uma data que ficaria bom para as academias e que combinasse com a agenda da Flávia que é muito requisitada para ministrar essas aulas em vários estados.

“A Flávia é uma excelente professora, com habilidade, conhecimento, experiência, criatividade e outras tantas virtudes voltadas para Baby Class. O curso foi muito proveitoso, mas ficou claro que para ser professora de Baby Class, é preciso ser especial, ter talento e muito conhecimento envolvido”

O objetivo segundo Sarah era capacitar e aprimorar o trabalho dos professores com experiências diferentes, tanto para jovens profissionais como outros com muitos anos de experiência e como o resultado foi positivo, um próximo curso já está sendo vislumbrado para 2019.
“Precisamos estar buscando conhecimento constantemente por toda a vida e falo às professoras da Líder que é preciso fazer no mínimo dois cursos por ano. As professoras estão ansiosas para colocar em prática as orientações recebidas.

A bailarina Ariel Venâncio, também professora da Líder, disse que aplicará cada conhecimento em sala de aula, pois para ela, o curso foi inspirador. “A Flávia é incrível, ela não se limita apenas no que ensina, nos faz mudar, querer fazer melhor, te faz pensar como criança. Foi um curso muito rico, aprendi muito. A Flávia não economiza no conhecimento, ela se doa, e acrescenta muito para aplicação no ballet clássico em qualquer tipo de idade a ser aplicado. Não vejo a hora de chegar a data do próximo curso”, pontua.

DEPOIMENTOS DAS PARTICIPANTES

Maria Rosa Barbosa – Cuiabá – Ballet infantil Maria Rosa
“A expectativa é sempre de aprender mais, apesar de 30 anos de aula, saio daqui renovada. A ludicidade com as crianças foi o que mais me chamou atenção neste curso”.

Daniele Martinela – Cuiabá – Dreams Ballet
“Vim buscar atualização e renovação de estudos anteriores. O que mais gostei de relembrar foi que de forma simples as aulas podem ser mais mágicas e lúdicas, e que assim podem prender mais a atenção das crianças, coisas que vãos esquecendo com o tempo. O problema recorrente da interferência dos pais em sala de aula também foi uma importante abordagem compartilhada por todas nós. Os pais são ansiosos e protetores com as crianças nesta idade e é preciso saber lidar com as crianças dentro da sala de aula e com os pais fora da sala de aula”.

Inice Mello – Primavera do Leste – Studio de Ballet e Sapatiado Corpo e Dança
“O trabalho impactou bastante e nos ajudará a elaborar novas aulas com mais criatividade, e como passar tudo isso para as crianças desta forma lúdica. Fazer a criança se envolver, se encantar mais com o ballet. Surpreender os pequenos, fazer com que gostem se desenvolva trazendo toda a técnica necessário. Foi excelente”.

Silvia Pauli – Tangará da Serra- Academia Polidance
“Adorei o curso, adorei a Flávia. Foi maravilhoso, me deu nova perspectiva, nova dinâmica. O estudo preparatório do Ballet é o coração da Academia. Foi muito positivo, abriu um leque de opções e nos deu muita bagagem e novas ideias. Como professores detectamos muitos problemas educacionais nas aulas de dança, somos um termômetro para mostrar a família sobre problemas e comportamentos e conseguimos fazer esse equilíbrio, auxiliando até na escola. A dança transforma o corpo e a alma. A dança educa de maneira rica e completa. Essa expressão e energia são essenciais e foi muito bem abordada no curso”.

Násla Brandão – Cuiabá – Associação Cultural Corpo Livre
“Acho que a parte lúdica foi muito proveitosa. Reforçou os meus estudos, mas sempre algo novo podemos estar aprendendo. Acho legal aprender com o próximo, compartilhar ideias. Também entendi minha função como profissional, e percebi como posso ajudar uma criança com problemas, indicando profissionais e conversando com os pais”.

Karine Kisasz – Cuiabá – Associação Cultural Corpo Livre
“Gosto muito de trabalhar com crianças, o curso foi demais para mim, para me atualizar e principalmente passar esse conhecimento, para outras professoras e também formando crianças de forma encantadora, com um mundo imaginário”.

Sônia Mara Petri – Sinop – Academia Arte e Ballet
“Todo ano eu buscava informação em Joinvilhe, mas como promovo um evento chamado Conexão Dança, há dois anos não estou consigo mais viajar para me atualizar. Quando estamos administrando um negócio, não podemos deixar as coisas sem nosso olhar. Como trabalho método Royal, me identifiquei muito, me atraiu muito. Clareou muito minha visão, além de me atualizar. Sentia em mim que estava faltando isso”.

Genima Paula Arruda Costa – Várzea Grande – Academia Genimme Ballet
“O curso foi maravilhoso, a dinâmica foi bacana, revimos os amigos, foi tudo muito bom, ver as novidades e despertar aquilo que estava adormecido. Enriqueceu muito aquilo que fazemos todo dia, acendeu a chama de coisas que estão no nosso subconsciente e dá vida a tudo de novo. Dá um gás para trabalhar mais esse ano e esperar o próximo curso no próximo ano. Como realizamos espetáculo todo o ano e não só as crianças, mas os pais ficam esperando por esse momento, pensei muito neste trabalho e levarei essas técnicas para ele. Saiu mais fortalecida, consciente do trabalho que tenho que desenvolver daqui para frente.