Crivella diz que nunca choveu tanto no Rio no mês de junho
Fullbanner1

Fullbanner2


Crivella diz que nunca choveu tanto no Rio no mês de junho

Fonte: NOTÍCIAS DE MATO GROSSO com EBC
SHARE

O prefeito Marcelo Crivella esteve na manhã de hoje (21), na Rua Cosme Velho, na zona sul da cidade, onde um deslizamento de terra interditou parcialmente a via. O desmoronamento ocorrido de madrugada foi provocado pelo temporal que atingiu a cidade. Crivella disse que esse foi o principal desabamento na cidade.

“Nós estamos tomando todas as providências. Mobilizamos as equipes da prefeitura para atuar desde o início do temporal em várias regiões da cidade”. Crivella considerou um desafio inesperado, o volume de chuva no mês de junho. “Nunca choveu tanto. A previsão é que à tarde não chova mais e a maré baixe, o que é importantíssimo para o escoamento da água pluvial”, avaliou.

O barranco, de aproximadamente 30 metros quadrados, deslizou às 2h da madrugada. Uma retroescavadeira e caminhões foram acionados A pista no sentido Cosme Velho-Laranjeiras já foi liberada ao tráfego. De acordo com o Sistema Alerta Rio da prefeitura, em apenas oito horas, 11 estações pluviométricas registraram maior volume de chuva do que o esperado para todo o mês de junho. São elas: Saúde, Jardim Botânico, Santa Teresa, Laranjeiras, Recreio, São Cristóvão, Jacarepaguá/Cidade de Deus, Ilha do Governador, Grajaú, Tijuca/Muda e Barra/Riocentro. Os altos índices pluviométricos, associados à ressaca e à maré alta, dificultaram o escoamento da água em vários bairros da cidade.

Queda de árvores

A Estrada da Vista Chinesa, no Alto da Boa Vista, está parcialmente interditada. Equipes da Companhia de Limpeza Urbana (Comlurb) trabalham na desobstrução da pista. Na Estrada das Canoas, em frente ao número 999, também no Alto da Boa Vista, uma árvore interditou a pista nos dois sentidos. Operários trabalham para liberação do trecho. Outros locais onde houve queda de árvores as pistas já estão liberadas.

Na Rua das Acácias, na Gávea, um dos locais mais atingidos pelo temporal, ainda há bolsões d’água. O escoamento é lento e a via permanece interditada. Na Avenida Borges de Medeiros, perto do Parque dos Patins, está parcialmente interditada, por causa de bolsões d’água, devido a bueiros e ralos entupidos.

A cidade permanece em estágio de atenção por conta da chuva, que teve início às 23h45 de segunda-feira (19). Além da mobilização das equipes, o Centro de Operações da prefeitura intensificou o envio de comunicados para a população, com recomendações de segurança, informações em tempo real sobre os impactos e as condições do tempo. No momento, o céu está parcialmente encoberto e o sol já começa a aparecer.

Montreal