Colheita atinge 16,25% da área de soja em Mato Grosso
Adventista



Colheita atinge 16,25% da área de soja em Mato Grosso

Fonte: Por Olhar Direto
SHARE

O plantio da soja segue ganhando força em Mato Grosso, tanto que em sua quarta semana atingiu 16,25% dos 9,396 milhões de hectares destinados à cultura nesta safra 2016/2017. Ao passo que os trabalhos com a oleaginosa avançam, os produtores aceleram o ritmo com o milho, que já chega a 10,23% da área a ser semeada, e com o algodão 60,84%. Os produtores devem ficar atentos quanto às chuvas que podem atrapalhar os trabalhos de colheita e semeadura.

Conforme o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), há alerta de chuvas intensas para essa segunda-feira, 30 de janeiro, o que pode vir a atrapalhar os trabalhos nas lavouras de Mato Grosso. O alerta é para as regiões Centro-Sul, Nordeste, Norte, Sudeste e Sudoeste do Estado.

A previsão para Mato Grosso nesta semana é de pancadas de chuva e trovoadas e a máxima deverá ficar na casa dos 35ºC, enquanto a mínima em 20ºC.

Os números são do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea). Ao se comparar com ciclo 2015/2016 a colheita da soja está 8,06 pontos percentuais na frente na atual safra. 
O Oeste mato-grossense é o mais avançado com 24,07% de seus 1,113 milhão de hectares plantados já colhidos. O Médio-Norte 21,68% de 3,166 milhão de hectares.

Segundo o Imea, o Centro-Sul e o Norte do Estado já colheram 15,09% e 15,75%, respectivamente, e o Noroeste 14,40%. O Sudeste atingiu 12,83% de sua área e o Nordeste 5,33%.

Milho
O milho segue avançando sobre a área da soja. Já foram plantados 10,23% de 4,420 milhões de hectares. Somente o Médio-Norte já atingiu 16,87% de 1,890 milhão de hectares. Já o Sudeste, que detém a segunda maior área de milho, apenas 3,19% de 888,7 mil hectares.

O Oeste e o Noroeste de Mato Grosso chegaram a 7,22% e 7,33% da área, respectivamente. O Norte 6,27%, o Nordeste 4,69% e o Centro-Sul 6,64%.

Algodão
O algodão chegou a 60,84% de seus 600 mil hectares. A área mais avançada é o Nordeste com 84,31%, seguido do Sudeste com 72,97%. O Noroeste mato-grossense vem em seguida com 65,40% e o Centro-Sul com 60,30%.