China retoma procedimentos de importação de carne brasileira nesta segunda-feira
Supermoveis



China retoma procedimentos de importação de carne brasileira nesta segunda-feira

Decisão está sendo vista como um alívio para os importadores após crise.

Fonte: O Globo
SHARE
Fábrica da JBS no Texas

PEQUIM – A China retoma nesta segunda-feira os procedimentos de importação de carnes brasileiras. A decisão ainda não foi anunciada oficialmente, mas já foi tomada e informada por mensagem às aduanas, segundo informações obtidas pelo GLOBO junto a fontes de mercado. Há quase uma semana, Pequim decidiu reter todos os carregamentos de carnes do Brasil que desembarcavam nos portos chineses até segunda ordem. Mas, em momento algum, chegou-se a decretar formalmente a suspensão das importações, como fizeram outros países, e a região administrativa especial de Hong Kong.

Horas depois do anúncio feito pela China, o Ministério da Agricultura, Abastecimento e Pecuária divulgou nota, na qual afirma que a decisão do governo chinês pode ser vista como um atestado categórico da solidez e qualidade do sistema sanitário brasileiro e uma vitória da capacidade exportadora do Brasil.

A decisão está sendo vista como um alívio para os importadores, sobretudo depois que os chineses anunciaram um grande acordo com a Austrália abrindo o mercado de carnes para a atuação de 59 frigoríficos de carnes vermelhas. Até então, somente 11 estavam autorizados a vender na China.

Para tentar reverter o impasse com os chineses por causa da operação Carne Fraca, que bloquearam totalmente a importação de carne brasileira, o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, estava se preparando para viajar ao país nos próximos dias.