Centro de Prevenção e Diagnóstico Precoce de Câncer de Mama inaugura dia...
Fullbanner1

Fullbanner2


Centro de Prevenção e Diagnóstico Precoce de Câncer de Mama inaugura dia 12

Fonte:
SHARE
Foto: Assessoria

A Associação dos Pacientes Oncológicos de Rondonópolis (Apor) inaugura no próximo dia 12 o Centro de Prevenção e Diagnóstico Precoce do Câncer de Mama, projeto que teve início em janeiro de 2015 e vai atender mulheres a partir de 45 anos de idade na realização do exame de mamografia. Inicialmente, a capacidade de atendimento será de 600 exames por mês, através de convênios com o Hospital Regional e Consórcio Regional de Saúde.

Por se tratar de um Centro de Prevenção, a mamografia é apenas uma das prioridades de atendimento, sendo objetivo da Apor acompanhar a paciente que precisa de outros exames e eventual tratamento oncológico. “O grande desafio é completar o ciclo para que a paciente tenha o atendimento completo. Para isso, nosso corpo clínico desenvolveu o protocolo de prevenção para a padronização dos procedimentos. Assim, caso a mulher precise de um exame adicional, como o de ultrassonografia da mama ou de uma biópsia, ela receberá o tratamento apropriado em tempo hábil”, explica Flavio Ribeiro Rocha, presidente da Associação.

A história do Centro de Prevenção e Diagnóstico Precoce do Câncer de Mama da Apor foi desenhada com a ajuda de muitas pessoas. A iniciativa foi pensada durante uma palestra do médico oncologista José Spila Neto, com a presença do ex-presidente da Associação Comercial, Industrial e Empresarial de Rondonópolis (Acir), Luiz Homem de Carvalho, que sugeriu uma parceria com a entidade. Em seguida, em abril de 2015, a Acir entregou R$ 100 mil para a Apor, valor que garantiu o início da elaboração do projeto. Na sequência, uma nova doação injetou ainda mais ânimo na diretoria da entidade, que recebeu da Procuradoria Regional do Trabalho de Rondonópolis mais R$ 310 mil, oriundos de acordos judiciais de multas trabalhistas. Com as duas doações, foi iniciado de fato a execução do projeto com um orçamento inicial de R$ 900 mil e valor investido, até o momento, de R$ 984.255,72.

A compra do mamógrafo digital, de última geração, aconteceu no dia 9 de abril do mesmo ano. O restante do valor necessário para a obra de reforma do prédio, compra do mobiliário, documentação e contratações de profissionais foi preenchido através das doações que a entidade recebe mensalmente. “Nosso profundo agradecimento é para a Acir, Ministério Público do Trabalho, diretoria e associados da APOR, Clubes de Serviços de Rondonópolis (Lions, Rotary, Lojas Maçônicas), associações diversas, empresas locais e da região, e para todos que contribuem com doações na conta de energia ou nos cofrinhos espalhados pelo comércio. O Centro de Prevenção tem um pouco da doação de cada um”, ressalta Flavio.

Inauguração – a cerimônia de inauguração do Centro de Prevenção e Diagnóstico Precoce do Câncer de Mama está marcada para as 17h do dia 12, na Avenida Cuiabá, nº 1.285, ao lado da Caixa Econômica Federal, no Centro. O local já está em funcionamento, realizando exames de mamografia em mulheres pré-cadastradas. O corpo clínico conta com médicos especialistas em mastologia, oncologia e radiologia, além de técnicos em radiologia e funcionários administrativos.

Dia Nacional – 5 de fevereiro é o Dia Nacional da Mamografia. Instituído há dois anos, a partir do Projeto de Lei da senadora Maria do Rosário (PT-RS), a data objetiva sensibilizar mulheres sobre a importância de realizar o exame para a detecção precoce do câncer de mama, uma das principais causas de morte entre mulheres no Brasil.

Montreal