Câmara homenageia centenário de sindicato dos metalúrgicos do Rio
Adventista



Câmara homenageia centenário de sindicato dos metalúrgicos do Rio

Fonte: NOTÍCIAS DE MATO GROSSO com Agência Câmara
SHARE

A Câmara homenageou nesta quinta-feira (27), em sessão solene, os 100 anos do Sindicato dos Metalúrgicos do Rio de Janeiro (Sindimetal/RJ). A homenagem foi solicitada pelos deputados Jandira Feghali (PCdoB-RJ), Luiz Sérgio (PT-RJ) e Wadih Damous (PT-RJ).

Fundado em 1º de maio de 1917 como União Geral dos Metalúrgicos, e transformada em entidade sindical em 1932, o Sindimetal/RJ foi o primeiro sindicato operário metalúrgico criado no Brasil.

Luiz Sérgio destacou a importância do sindicato como “parte viva da recente história política do nosso País”. O deputado citou conquistas das quais o Sindimetal participou ao longo dos anos, como a luta pela jornada de 8 horas, férias, aposentadoria especial e 13º salário.

Ao homenagear a entidade, Wadih Damous lamentou a aprovação, na Câmara, da proposta de reforma trabalhista (PL 6787/16). “Aquilo que os trabalhadores e democratas demoraram mais de 70 anos para construir, em uma noite foi destruído. Foram demolidas conquistas civilizatórias”, criticou.

Jandira Feghali destacou a atuação do Sindimetal em defesa da categoria e também pela luta por democracia, liberdade e pelo petróleo. “Nunca foi um sindicato que se limitou às bandeiras coorporativas, é muito simbólico e singular para todos nós.”

Em mensagem enviada à sessão, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, destacou a importância da atividade metalúrgica. “Historicamente, a metalurgia desempenhou papel impulsionador no desenvolvimento das populações em todo mundo. Os trabalhadores vinculados a essa atividade, em consequência, sempre mantiveram estreita relação com as transformações econômicas e sociais registradas ao longo do tempo nos mais diversos países”, afirmou.