Briga entre irmãos no Jardim Ipiranga termina com um esfaqueado nas mãos
Supermoveis

Fullbanner2


Briga entre irmãos no Jardim Ipiranga termina com um esfaqueado nas mãos

Fonte:
SHARE

Por Ailton Lima

Várias ligações anônimas ao 190 da PM davam conta na noite desta segunda-feira (29), por volta das 20h23, que dois homens estariam brigando na Rua Protásio Ferreira Chaves no Jardim Rondônia e um deles estava armado com uma faca.

A chegar ao local a guarnição da PM encontrou os dois homens em vias de fato na rua e um deles, Célio Evangelista de Oliveira de 40 anos, com alguns cortes nas duas mãos.  Em contrapartida, o policiai encontraram Matusalém Evangelista de Oliveira de 29, irmão de Célio, ainda em posse de uma faca ensanguentada.

Os policiais interviram e separaram os brigões, evitando que um mal maior pudesse acontecer entre os irmãos.

Questionado sobre o motivo da briga, a PM descobriu que Célio Evangelista teria invadido a casa do irmão e assado a ofender e agredir a cunhada Maria Conceição Pereira de Souza (37), esposa de Matusalém.

Este por sua vez, saiu em defesa da esposa e munido de uma faca, partiu para cima do irmão. Na contenda, Célio acabou esfaqueado nas duas mãos e teve que ser encaminhado para o Pronto Atendimento (PA), para uma sutura nos cortes.

Como se não bastasse a confusão, um sobrinho dos brigões, identificado como sendo Raygo Evangelista de Oliveira de 21 anos, tentou impedir o trabalho da polícia em conduzir os envolvidos até a delegacia. Resultado: ele também acabou detido.

Na 1ª DP, os envolvidos restaram esclarecimentos ao delegado, que os liberou, já que ninguém demonstrou interesse em representar contra o outro.

Todavia, os envolvidos assinaram um TCO- e se comprometeram a comparecer ao Juizado Especial assim que forem intimados. Maria Conceição que é ex mulher de Célio e atual de Matusalém, também deverá comparecer ao juizado quando comunicada, já que teria sido o motivo da briga entre os irmãos.

Montreal