Autor de roubos em Várzea Grande é preso pela Polícia Civil
Fullbanner1



Autor de roubos em Várzea Grande é preso pela Polícia Civil

Fonte: NOTÍCIAS DE MATO GROSSO com Assessoria
SHARE

Mais um autor de roubos a residências foi preso pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Várzea Grande. Abel da Silva Santos foi localizado pelos investigadores da Polícia Judiciária Civil (PJC) em uma casa no bairro Parque São João no sábado (25.03). Ele foi autuado por roubo majorado com concurso de pessoa e emprego de arma de fogo e teve mandado de prisão decretado pela Comarca de Várzea Grande.

De acordo com o delegado de polícia Eduardo Rizzoto de Carvalho, o investigado possui 12 passagens criminais. E somente nesse mês foi identificado em dois roubos cometidos no município.

Um dos crimes foi praticado no dia 06 de março, quando Abel e outro homem (ambos portando arma de fogo) renderam um instrutor de autoescola. Mediante grave ameaça, os criminosos subtraíram dinheiro e objetos de valores da vítima.

Logo após a ação criminosa, a vítima foi atendida pelos policiais civis da Derf-VG, e levada à unidade especializada, onde conseguiu prontamente repassar informações relevantes como as características físicas dos autores, levando ao reconhecimento fotográfico de Abel.

As investigações também apontaram que no dia 18 de março, o preso e outro comparsa invadiram uma residência em Várzea Grande, onde armados conseguiram render uma família. Na ocasião, os moradores foram obrigados a deitar no chão, enquanto os criminosos subtraíam os produtos e pertences das vítimas, agindo com truculência.Abel foi reconhecido por duas das vítimas do segundo roubo praticado.

Diante dos fatos e indícios de se tratar de um homem contumaz em ações criminosas, o suspeito teve a ordem judicial de prisão preventiva decretada pelo crime de roubo majorado.  

“A sistemática adotada pela Derf-VG, com atendimento das equipes nos locais de crime para rápida colheita de informações e, por vezes, até realizar a prisão em flagrante dos suspeitos, tem trazido resultados positivos de combate à criminalidade na cidade. Nesse novo método ficou mais fácil identificar criminosos contumazes, pois as equipes identificam o modus operandi e já apresentam, às vítimas, fotos de suspeitos que normalmente praticam crimes na mesma região e da mesma forma. Vários criminosos estão sendo identificados no mesmo dia do delito e, se não conseguirmos capturá-los de imediato, o trabalho das equipes de investigação já está bastante adiantado” destacou o delegado de polícia Eduardo Rizzotto de Carvalho.