Atleta de Rondonópolis fica com cinturão do Conselho Mundial de Muay Thai
Fullbanner1


Adventista

Atleta de Rondonópolis fica com cinturão do Conselho Mundial de Muay Thai

Fonte: Assessoria
SHARE
o atleta rondonopolitano Ari Ribeiro conquistou o título após a luta contra o uruguaio Deniz Rodriguez pela categoria 71 quilos. Foto: Assessoria.

O ginásio de esportes da Escola Estadual Major Otávio Pitaluga (EEMOP) foi palco no último sábado (14) do cinturão do Conselho Mundial de Muay Thai (WMC), evento promovido pela Federação Matogrossense de Muay Thai que contou com o apoio da Prefeitura de Rondonópolis. Na ocasião, o atleta rondonopolitano Ari Ribeiro conquistou o título após a luta contra o uruguaio Deniz Rodriguez pela categoria 71 quilos.

“É primeira vez que o cinturão do Conselho Mundial de Muaythai é disputado por um brasileiro. Para nós, é uma honra que o Ari Ribeiro, como campeão brasileiro na categoria de 71 quilos, esteja em sua cidade enfrentando o adversário que é o campeão uruguaio,” disse o superintendente técnico da Confederação Brasileira de Muaythai Tradicional (CBMTT), Carlos Camacho.

O vencedor da disputa, o atleta rondonopolitano Ari Ribeiro falou da alegria de lutar em casa. “É muito importante poder disputar esse título em casa, é um prazer imenso, que esse cinturão possa ficar em Rondonópolis,” disse o atleta antes da grande luta.

O evento teve início às 19h e contou também com lutas de atletas amadores. Para a competição foram contratados árbitros profissionais e também organizado sistema de atendimento médico de urgência no local, garantindo a integridade física dos atletas.

A gerente de Departamento Esportivo Roseane Prado esteve presente no evento representando a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer e destacou que a Prefeitura foi grande parceira na realização.

“Esse evento é muito significativo para o município, contamos com a vitória. O município através da Secretaria de Esporte e Lazer está apoiando de forma total o evento juntamente com a Confederação Brasileira de Muay Thai,” disse a gerente.

Montreal