Aluna da Rede Estadual é selecionada para o programa Jovens Embaixadores
Supermoveis


Macropel

Aluna da Rede Estadual é selecionada para o programa Jovens Embaixadores

Fonte: NMT com Assessoria
SHARE

A estudante Vitória Lissa de Oliveira Marques, da Escola Estadual São José do Rio Claro, da cidade que leva o mesmo nome, foi selecionada para o Programa Jovens Embaixadores, realizado pela Embaixada dos Estados Unidos no Brasil, em parceria com organizações públicas e privadas.

Disputando uma vaga pelo segundo ano consecutivo, ela conta que ainda está assimilando o momento, que foi tão sonhado nesse período. “Não cheguei a ver meu nome na lista, divulgada no site. Assim que saiu, meus amigos começaram a mandar mensagens me parabenizando. Ainda estou em êxtase. Vou representar Mato Grosso nos Estados Unidos”, comemora.

Vitória conseguiu a segunda melhor nota entre os finalistas do Estado, que se destacam na seleção pela boa desenvoltura com a língua inglesa. No mês passado, ela esteve em Cuiabá, onde passou por uma seletiva do programa, uma entrevista toda em inglês. No entanto, contou que nunca fez curso particular e foi buscando o conhecimento por conta própria.

“Eu tinha 13 anos quando comecei a assistir vídeos de react na internet e queria entender como as pessoas reagiam a determinadas situações, o que pensavam sobre aquilo. Quando vi, estava numa verdadeira imersão, ouvindo inglês, assistindo filmes, lendo livros e blogs”.

No ano passado ela não foi selecionada, mas conseguiu entrar no English Immersion, que visa a imersão da língua inglesa e cultura norte-americana na rotina dos jovens que buscam o projeto.

“Estou muito feliz por ter conseguido e agora, que vou representar meu Estado, poderei aprofundar meu conhecimento na cultura norte-americana e também desenvolver ações que possam ajudar a todos”, afirma.

Agora, a jovem se prepara para passar três semanas de vivência nos Estados Unidos. A viagem está marcada para janeiro de 2018.

O Programa

O Jovens Embaixadores foi criado em 2002 pela Embaixada dos Estados Unidos com o objetivo de valorizar estudantes que sejam exemplos em suas comunidades.

Os requisitos para participar eram: ter entre 15 e 18 anos, cursar o ensino médio na rede pública, ter excelente desempenho escolar, bom nível de domínio do inglês, nunca ter viajado aos Estados Unidos, ter uma boa relação com a escola e comunidade e ter realizado algum trabalho voluntário por pelo menos um ano. Características pessoais, como capacidade de comunicação, liderança e pró-atividade também são avaliadas.

Em 2016, o aluno da rede estadual Guilherme Eduardo Rocha Silva foi o escolhido para representar Mato Grosso no programa.

Montreal