Alimentação escolar de qualidade contribui para a aprendizagem, diz Marrafon


Alimentação escolar de qualidade contribui para a aprendizagem, diz Marrafon

0
Fonte: NOTÍCIAS DE MATO GROSSO com Assessoria
COMPARTILHE

O secretário de Estado de Educação, Esporte e Lazer (Seduc), Marco Marrafon, destacou nesta terça-feira (28.06) a importância do programa de melhoria de qualidade da alimentação escolar no processo de aprendizagem dos mais de 400 mil alunos da rede estadual de Mato Grosso.

Marrafon participou da cerimônia de abertura do Encontro Estadual do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), realizado entre os dias 28 e 29 de junho no auditório da Escola Estadual Liceu Cuiabano “Maria de Arruda Müller”, em Cuiabá. O evento conta com a participação de gestores, nutricionistas, conselheiros municipais e estaduais de mais de 100 municípios.

“Uma alimentação de qualidade faz toda a diferença na educação das nossas crianças e, por isto, temos trabalhado incansavelmente para melhorar as parcerias e fazer cumprir a legislação”, disse o secretário.

Marco Marrafon destacou ainda que, nas escolas integrais de Mato Grosso, a alimentação diária é de fato um diferencial. “Nas nossas 14 Escolas Plenas, e também na Arena da Educação, temos realizado um trabalho árduo, mas que nos dará muitos frutos, tanto no processo de aprendizagem – com a melhoria dos índices de ensino e redução da evasão escolar –, quanto na formação dos nossos cidadãos”.

Conforme Lizia Soares Penido, representante da Coordenadoria de Alimentação Escolar da Seduc, durante os dois dias de evento serão realizados debates e apresentações com o objetivo de fornecer informações técnicas e práticas referentes a todo o processo de fornecimento de alimentação nas escolas de Mato Grosso.

O evento irá apresentar o papel e os desafios do Conselho de Alimentação Escolar; a prestação de contas do PNAE; a aquisição de produtos da agricultura familiar; as diretrizes nutricionais e a promoção de ações de educação alimentar e nutricional nas escolas, entre outros assuntos.

A mesa de abertura ainda contou com a participação do Sebastião Jader Leite de Souza, coordenador-substituto de Educação e Controle Social (FNDE) e Diego Padilha, auditor do Tribunal de Contas da União (TCU).