“2017 foi o ano de investir nos professores”, ressalta Carmen Monteiro
Adventista

Fullbanner1


“2017 foi o ano de investir nos professores”, ressalta Carmen Monteiro

Fonte: Ana Flávia Dorsa
SHARE
Secretária de Educação, Carmen Monteiro - Foto: Ana Flávia Dorsa

A oferta de um ensino de qualidade depende, em boa parte, dos professores. Sabendo deste valor, a Secretaria Municipal de Educação, conforme apontamentos da secretária Carmen Monteiro, fez diversos investimentos que valorizaram os profissionais no ano de 2017 como o pagamento do Reajuste Geral Anual (RGA), reenquadrou educadores e ainda realizou a elevação de nível dos que adquiriram mais um diploma na carreira.

“Profissional satisfeito reflete em um trabalho melhor e dedicado na sala de aula, o que eleva ainda mais a educação municipal, e nós primamos por esta valorização”, avalia a secretária.

A gestora da Pasta também  destaca a formação continuada que em 2017 ofereceu mais de 30 cursos para mais de 3500 profissionais da rede, dentre eles, professores da Educação Infantil, Ensino Fundamental, novos concursados, diretores, coordenadores, merendeiros, e pessoal do administrativo.

Para infraestrutura escolar, foi realizado um levantamento completo das condições das unidades, resultando em um mapa completo das necessidades e potencialidades. O estudo resultou na reforma de seis unidades (fase de obras), e no encaminhamento de nove processos de licitação e elaboração de 25 projetos para novas obras.

“Queremos deixar o ambiente escolar, o mais apropriado e aconchegante para receber alunos e professores. Com as reformas, o município deve investir cerca de R$2,5 milhões”, estima Carmem que também informou que realizou o encaminhamento de processo para aquisição de 25 carros entre ônibus e micro-ônibus para o transporte escolar.

A secretária disse que os investimentos eram necessários uma vez que a rede estava sucateada em todos os aspectos e que por conta disso, a Pasta recebeu uma atenção especial do prefeito José Carlos do Pátio que destinou 28% do orçamento na melhoria da pasta.

“Já realizamos a compra de materiais deste ano,  já estamos animados com o início das aulas que ocorrerá no dia 15 fevereiro. Estamos renovando o acervo bibliográfico de algumas unidades, o que demonstra seriedade, comprometimento e transparência com o uso do dinheiro público.