​Governo do Estado deverá licitar MT-140 em 2018
Supermoveis

Fullbanner2


​Governo do Estado deverá licitar MT-140 em 2018

Fonte: Assessoria
SHARE
A obra será feita em parceria com os produtores e os prefeitos de Vera e Santa Carmem, que devem entregar o projeto dos 30,5 km da MT para que o governo realize a licitação. Foto: Assessoria.

A obra será feita em parceria com os produtores e os prefeitos de Vera e Santa Carmem, que devem entregar o projeto dos 30,5 km da MT para que o governo realize a licitação

O governador Pedro Taques e o vice-governador Carlos Fávaro receberam na tarde desta quarta-feira (04.10) prefeitos e comitivas dos municípios de Vera e Santa Carmem. Na pauta, a busca pela pavimentação dos 30 quilômetros que ligam os dois municípios. O compromisso do governo, segundo Taques, é licitar a obra, pois, trará muitos benefícios à população e, para isso, contará com a parceria de produtores, que devem doar o projeto da rodovia.

O vice-governador Carlos Fávaro falou da crise que o Brasil e Mato Grosso atravessa, relembrando como o atual governo encontrou o estado. Citou como exemplo várias obras que já foram feitas na região em dois anos e 10 meses de governo, como a conclusão de Vera a Feliz Natal, com a ligação de Santa Carmem a BR-163; Cláudia a BR-136, trecho de Cláudia a União do Sul; melhorias da trafegabilidade na MT-220, da BR-163 até o postinho, e na trafegabilidade do postinho até Tabaporã, que até então não existia.

“Tudo isso foi feito diante das dificuldades financeiras que o governo passa. E isso é possível graças a parcerias com as prefeituras e produtores. Ter o projeto em mãos é meio caminho andado. O projeto da rodovia vai estar licitado, tem contrapartida e o governo tem determinação em fazer essa obra”, explica Fávaro.

O prefeito de Santa Carmem Rodrigo Frantz pontou o bom atendimento e trânsito no governo. “Não temos o que reclamar da situação das nossas estradas na região. Temos que ser realistas e sempre temos tido apoio da Sinfra. A gente cobra, participa, é um governo diferente, o que a gente não viu em outros governos, e essa participação é essencial. O governo sabe que tem dificuldades, mas não se omite das situações. E nós, prefeitos e vereadores, vamos nos unir para batalhar por esse projeto”.

Durante a reunião, o secretário de Infraestrutura Marcelo Duarte reforçou que essa é uma região bastante contemplada e que o atual projeto não pode ser aproveitado, em função do tempo de origem. Por isso, a necessidade de um novo projeto que terá tempo hábil para ficar pronto até o prazo que se pode começar a fazer obras no estado, entre março e abril, por conta do período de chuvas. “Todos os esforços serão feitos para dar celeridade no processo de licitação”, disse ele.

Com o projeto na Sinfra, o próximo passo é revisar o projeto, pedir uma nova licença e licitar a obra.“A iniciativa dos produtores em doar o projeto e fazer a arrecadação para conseguir viabilizar mais rápido e com menor custo, é fundamental. Quando as prefeituras têm a disponibilidade de nos ajudar a concretizar obras, favorece muito as suas realizações”, pontuou Fávaro.

O prefeito de Vera, Moacir Giacomelli, agradeceu o empenho do governo por entender a necessidade da região e frisou que o que é bom para o estado é bom para os municípios. “Com a reunião, podemos entender que a obra será uma realidade. Eu acredito nesse governo e o defendo. Sabemos que aos poucos vamos fazendo o que é necessário”.

Estradas

O Governo de Mato Grosso já ultrapassou a marca de dois mil quilômetros de asfalto executados pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) somente na atual gestão. A Sinfra tem o compromisso também de cuidar do mais de 25 mil km de estradas não pavimentadas do estado.

Montreal